CA-125 e Endometriose: O que são e qual a referência de valores?

Se você é uma mulher na faixa etária dos 30 aos 40 anos, é muito provável que já tenha ouvido falar na endometriose. Essa doença afeta milhares de mulheres em todo o mundo e pode causar dor crônica, infertilidade e outros sintomas incapacitantes. Além disso, a endometriose pode causar um aumento nos níveis do marcador tumoral CA-125 no sangue, o que pode ser um sinal de alerta para a presença da doença.

Neste artigo, vamos explorar o que é CA-125, como ele se relaciona com a endometriose e qual a referência de valores para o exame. Continue lendo para entender mais sobre essa doença que afeta tantas mulheres.

O que é CA-125?

CA-125 é um marcador tumoral que pode ser medido através de um exame de sangue. Ele é produzido por células do endométrio, o tecido que reveste o útero. No entanto, níveis elevados de CA-125 também podem ser encontrados em outros tipos de câncer, como o câncer de ovário e o câncer de pâncreas.

Por conta disso, exames de CA-125 geralmente são realizados em conjunto com outros exames para confirmar a presença de câncer. No caso da endometriose, os níveis de CA-125 no sangue costumam estar elevados, mas isso não significa necessariamente que a mulher tem câncer.

O que é Endometriose?

Endometriose é uma condição na qual o tecido que normalmente reveste o útero cresce fora dele, em outros órgãos, como os ovários, as trompas de falópio e o peritônio. Esse tecido responde aos hormônios do ciclo menstrual, o que pode causar dor, sangramento irregular e outros sintomas.

A endometriose é mais comum em mulheres na faixa etária dos 30 aos 40 anos e pode dificultar a gravidez. Ainda não se sabe exatamente o que causa a endometriose, mas estudos indicam que pode haver uma predisposição genética associada à doença.

Relação entre CA-125 e Endometriose

Como mencionado acima, níveis elevados de CA-125 podem ser encontrados em mulheres com endometriose. No entanto, nem todas as mulheres com endometriose apresentam níveis elevados de CA-125 e nem todas as mulheres com níveis elevados de CA-125 têm endometriose.

Além disso, outras condições, como cistos ovarianos e infecções podem causar níveis elevados de CA-125. Por isso, é importante que o exame seja realizado juntamente com outros exames para confirmar a presença da endometriose.

Qual a referência de valores para o exame de CA-125 na Endometriose?

A referência de valores para o exame de CA-125 varia de acordo com o laboratório onde o exame é realizado. No entanto, em geral, valores abaixo de 35 U/mL são considerados normais.

Valores entre 35 e 100 U/mL podem indicar a presença de endometriose ou outras condições. Valores acima de 100 U/mL podem indicar a presença de câncer de ovário ou outros tipos de câncer.

No entanto, é importante lembrar que existe uma grande variação nos níveis de CA-125 em mulheres com endometriose. Algumas mulheres com endometriose avançada podem apresentar níveis de CA-125 dentro da referência normal, enquanto outras com endometriose leve podem apresentar níveis muito elevados de CA-125.

Por isso, é importante que o exame seja interpretado por um médico especialista, que pode avaliar o resultado juntamente com outros exames e sintomas para confirmar a presença da endometriose.

Conclusão

CA-125 é um marcador tumoral que pode estar elevado em mulheres com endometriose. No entanto, nem todas as mulheres com endometriose apresentam níveis elevados de CA-125 e nem todas as mulheres com níveis elevados de CA-125 têm endometriose.

Por isso, é importante que o exame seja realizado juntamente com outros exames e interpretado por um médico especialista. A referência de valores para o exame de CA-125 varia de acordo com o laboratório onde o exame é realizado, mas valores abaixo de 35 U/mL são considerados normais.

Se você suspeita que possa ter endometriose, procure um médico especialista. Quanto mais cedo a doença for diagnosticada, maior será a chance de um tratamento bem sucedido e de se evitar complicações futuras.

Tags: No tags

Comments are closed.