Câncer de mama masculino: causas, sintomas e tratamentos

O câncer de mama é uma doença que afeta tanto homens quanto mulheres, apesar de ser mais comum entre as mulheres. No entanto, o câncer de mama masculino ainda é pouco conhecido e muitas vezes ignorado. Neste artigo, vamos falar sobre as causas, sintomas e tratamentos do câncer de mama masculino.

Causas do câncer de mama masculino

Assim como no câncer de mama feminino, as causas do câncer de mama masculino não são completamente conhecidas. No entanto, existem alguns fatores de risco que podem aumentar as chances de um homem desenvolver a doença, como:

– Idade: o risco de câncer de mama masculino aumenta com a idade, especialmente após os 60 anos;
– Histórico familiar: homens com histórico de câncer de mama na família têm maior risco de desenvolver a doença;
– Exposição a radiação: homens que receberam tratamento de radioterapia no peito têm maior risco de desenvolver câncer de mama;
– Exposição a estrogênio: homens que usam terapia hormonal para tratar o câncer de próstata têm maior risco de desenvolver câncer de mama;
– Obesidade: homens com sobrepeso ou obesidade têm maior risco de desenvolver câncer de mama.

Sintomas do câncer de mama masculino

Os sintomas do câncer de mama masculino podem incluir:

– Um nódulo ou espessamento no peito;
– Mudanças na pele do peito, como vermelhidão ou descamação;
– Inversão do mamilo;
– Secreção do mamilo.

É importante lembrar que nem todos os nódulos no peito são câncer, mas é fundamental que qualquer alteração na mama seja avaliada por um médico.

Diagnóstico do câncer de mama masculino

O diagnóstico do câncer de mama masculino envolve exames físicos, como a palpação da mama, e exames de imagem, como a mamografia ou ultrassonografia da mama. Se houver suspeita de câncer, é necessário fazer uma biópsia para confirmar o diagnóstico.

Tratamento do câncer de mama masculino

O tratamento do câncer de mama masculino pode incluir cirurgia, radioterapia, quimioterapia e terapia hormonal. A escolha do tratamento depende do estágio do câncer, da idade do paciente, da presença de outros problemas de saúde, entre outros fatores.

A cirurgia é geralmente o primeiro passo no tratamento do câncer de mama masculino e pode ser uma mastectomia (remoção da mama) ou uma lumpectomia (remoção do nódulo e parte do tecido mamário ao redor). A radioterapia pode ser recomendada após a cirurgia para matar as células cancerosas restantes.

A quimioterapia é um tratamento que utiliza medicamentos para matar as células cancerosas e pode ser recomendada para homens com câncer de mama avançado. A terapia hormonal é geralmente recomendada para homens com câncer de mama que têm receptores de estrogênio positivos, pois ajuda a bloquear a ação do estrogênio no corpo.

Prevenção do câncer de mama masculino

A prevenção do câncer de mama masculino envolve a adoção de um estilo de vida saudável, incluindo:

– Manter um peso saudável;
– Fazer exercícios físicos regularmente;
– Limitar o consumo de álcool;
– Evitar o uso de tabaco;
– Realizar exames de rotina para detectar o câncer de mama, especialmente se houver histórico familiar da doença.

Conclusão

O câncer de mama masculino é uma doença rara, mas que pode afetar qualquer homem. É importante estar atento aos sintomas e fazer exames de rotina para detectar a doença precocemente. Se você notar qualquer alteração na mama, não hesite em procurar um médico. Com o diagnóstico precoce e o tratamento adequado, é possível superar o câncer de mama masculino e ter uma vida plena e saudável.

Tags: No tags

Comments are closed.