Como se pega hepatite B: entenda as formas de transmissão e prevenção

A hepatite B é uma doença infecciosa que afeta o fígado e pode ser transmitida por meio do contato com sangue e outros fluidos corporais. Apesar de existir vacina para a hepatite B, muitas pessoas ainda não sabem como se prevenir e acabam contraindo a doença. Neste artigo, vamos explicar como se pega hepatite B e quais são as formas de prevenção.

O que é hepatite B?

A hepatite B é uma doença viral que afeta o fígado e pode ser aguda ou crônica. A forma aguda é geralmente autolimitada e pode ser assintomática ou causar sintomas como fadiga, náuseas, vômitos, dor abdominal, icterícia e urina escura. Já a forma crônica pode durar mais de seis meses e pode levar a complicações graves, como cirrose e câncer de fígado.

Como se pega hepatite B?

A hepatite B é transmitida pelo contato com sangue, sêmen, secreções vaginais e outros fluidos corporais de pessoas infectadas. As principais formas de transmissão são:

– Relações sexuais sem proteção com uma pessoa infectada;
– Compartilhamento de seringas e agulhas contaminadas;
– Uso de material cortante que não foi devidamente esterilizado, como lâminas de barbear, alicates de unha e outros objetos perfurocortantes;
– Transmissão vertical, de mãe para filho durante o parto ou na amamentação.

Quais são os fatores de risco para hepatite B?

Algumas pessoas têm maior risco de contrair hepatite B do que outras, como:

– Pessoas que têm múltiplos parceiros sexuais;
– Homens que fazem sexo com homens;
– Usuários de drogas injetáveis;
– Profissionais de saúde que lidam com sangue e outros fluidos corporais;
– Pessoas que viajam para áreas de alta endemicidade.

Como se prevenir da hepatite B?

A melhor forma de prevenir a hepatite B é através da vacinação. A vacina é eficaz e segura e deve ser administrada em três doses, com intervalo de um mês entre a primeira e a segunda dose e de seis meses entre a primeira e a terceira dose. A vacina está disponível gratuitamente nos postos de saúde e pode ser tomada em qualquer idade.

Além da vacinação, outras medidas de prevenção incluem:

– Usar preservativo em todas as relações sexuais;
– Não compartilhar seringas, agulhas e outros objetos perfurocortantes;
– Usar material cortante devidamente esterilizado ou descartável;
– Evitar contato com sangue e outros fluidos corporais de pessoas infectadas;
– Fazer exames regulares para detectar precocemente a doença.

Conclusão

A hepatite B é uma doença séria que pode ser evitada com medidas simples, como a vacinação e o uso de preservativos. Se você faz parte de um grupo de risco ou teve contato com sangue ou outros fluidos corporais de uma pessoa infectada, é importante fazer exames regulares para detectar a doença precocemente. Lembre-se de que a prevenção é a melhor forma de proteger a sua saúde e a de outras pessoas.

Tags: No tags

Comments are closed.